Simbiose

Simbiose é um tipo de associação entre duas espécies diferentes. Uma relação interespecífica que pode ter ou não benefícios.

Em um ecossistema, os seres vivos interagem entre si e com o meio ambiente. É possível classificar essas interações em diferentes tipos para compreender suas características e efeitos. A simbiose é uma relação ecológica em que espécies diferentes vivem associadas. Abaixo, confira mais sobre o assunto.

Publicidade

Índice do conteúdo:

O que é simbiose

Simbiose é uma relação ecológica interespecífica, ou seja, ocorre entre espécies diferentes. Esse tipo de associação é íntima e pode ser benéfica ou não para os indivíduos. Dependendo da relação entre organismos, ela pode ser harmônica ou desarmônica.

O conceito e a definição de simbiose podem variar conforme a abordagem do autor. Em vários livros, você pode encontrar o mutualismo, o parasitismo e o comensalismo classificados como tipos de relações simbióticas. Assim, uma espécie seria beneficiada e a outra também, respectivamente, sem ser afetada ou prejudicada.

Já em outros casos, os tipos de relações ecológicas são tratados separadamente. Dessa forma, o conceito de simbiose se caracteriza em uma associação entre duas espécies. O importante é entender que, independente da abordagem, os indivíduos vivem juntos em uma dinâmica que, normalmente, envolve a coevolução de milhares de anos.

Exemplo de simbiose

Veja abaixo exemplos de simbiose para compreender melhor seu conceito e características:

Líquen

iStock

O líquen é uma associação simbiótica entre o fungo e as células algais. O fungo fornece água e outros nutrientes para as algas. Elas, por sua vez, fornecem os carboidratos da fotossíntese para o fungo.

Publicidade

Algas simbiontes dos corais

iStock

As zooxantelas, que são microalgas simbiontes, vivem associadas aos tentáculos dos corais. Elas obtêm luz, além de CO2 liberado pelos corais, para realizar a fotossíntese e garantir a sua sobrevivência. Já os corais se beneficiam dos açúcares e O2 liberados pelas algas na fotossíntese. Entretanto, por conta do aquecimento global, essa relação está em risco, pois o aumento da temperatura das águas causa a saída das zooxantelas dos corais. Esse fenômeno é chamado de branqueamento dos corais.

Cupins-do-mar e bactérias simbiontes

Madeira perfurada pelo Teredo navalis, o cupim-do-mar. – iStock

Os teredos são bivalves, popularmente, chamados de cupins-do-mar. Eles cavam madeiras de embarcações para se alimentar dessas partículas. No organismo desses indivíduos, há bactérias simbiontes que produzem celulase para digerir a madeira. Algo semelhante ocorre entre cupins e protozoários.

A simbiose é a relação entre dois organismos diferentes. Eles vivem associados e podem beneficiar ou não uns aos outros. Não pare de estudar ecologia! Aproveite e estude mais sobre sucessão ecológica.

Publicidade

Referências

A economia da natureza (2017) – Robert Ricklefs & Rick Relyea

Fundamentos em Ecologia (2010) – Collin Townsend, Michael Begon & John Harper

Princípios integrados de zoologia (2016) – Cleveland P. Hickman, Larry S. Roberts & Susan L. Keen

Naomi Tanaka
Por Naomi Tanaka

Sou bióloga formada pela Universidade Estadual de Maringá (UEM) com experiência em pesquisas acadêmicas na área da ecologia ambiental. Apaixonada pelas plantas e animais, busco simplificar conceitos científicos por meio da divulgação científica.

Como referenciar este conteúdo

Tanaka, Naomi. Simbiose. Todo Estudo. Disponível em: https://www.todoestudo.com.br/biologia/simbiose. Acesso em: 19 de May de 2022.

Exercícios resolvidos

1.

Geralmente, os corais estão associados às microalgas zooxantelas, que lhe fornecem nutrientes necessários, como açúcares e O2. Já as microalgas, recebem proteção, luz e CO2 para realizar a fotossíntese. Sobre isso, assinale a alternativa correta:

a) Essa associação é chamada de predação, onde as microalgas se alimentam de partículas dos corais;

b) O branqueamento dos corais é causado pela relação entre zooxantelas e corais;

c) A associação de corais e zooxantelas é do tipo simbiótica e ambos são beneficiados;

d) A associação de corais e zooxantelas é do tipo simbiótica, mas apenas os corais são beneficiados;

e) As zooxantelas estão associadas aos corais apenas pela proteção.

A alternativa correta é c) A associação de corais e zooxantelas é do tipo simbiótica e ambos são beneficiados.

As algas obtêm luz e CO2 para realizar a fotossíntese e os corais se beneficiam dos açúcares e O2 liberados pelas algas na fotossíntese.

2.

Qual das afirmativas abaixo definem o conceito de simbiose?

a) É um tipo de relação exclusivamente harmônica, ou seja, as duas espécies se beneficiam;
b) Relação entre duas espécies diferentes onde uma delas necessariamente é prejudicada;
c) Ocorre apenas entre microrganismos diferentes;
d) Associação entre duas espécies diferentes. Ela pode ser benéfica ou não.

A alternativa correta é d) Associação entre duas espécies diferentes. Ela pode ser benéfica ou não.

Apesar do conceito de simbiose variar de acordo com a abordagem do autor, ela é definida como uma relação íntima em que duas espécies vivem associadas.

Compartilhe

TOPO