Amarelinha africana

Amarelinha africana é um jogo ritmado, realizado em espaço demarcado por 18 quadrados (4x4) e que pode ser realizado de diferentes modos.

A amarelinha africana é uma brincadeira que envolve coordenação motora, ritmicidade e, principalmente, vontade de se divertir. Veja, a seguir, as principais características desse jogo, além de possibilidades para praticá-lo. Acompanhe:

Índice do conteúdo:

O que é a amarelinha africana

A amarelinha africana é entendida como um jogo, ou uma brincadeira, com origens em Moçambique, um país do continente africano. Ela se caracteriza por ser uma brincadeira ritmada, ou seja, segue uma constância regular na realização dos movimentos. Desse modo, usa acompanhamentos musicais que demarcam seu ritmo. No entanto, o ritmo também pode ser marcado a partir de palmas ou de cantos realizados pelos participantes.

Essa amarelinha pode ser praticada por uma ou mais pessoas, dependendo das movimentações a serem realizadas. Além disso, difere da tradicionalmente conhecida no Brasil desde sua estrutura até sua forma de organização. O jogo é estruturado em 16 quadrados, distribuídos entre quatro fileiras e quatro colunas. Ainda, por sua estrutura, ele não utiliza pedrinha ou o espaço demarcado como “céu” na amarelinha tradicional.

É importante pontuar também que a amarelinha africana apresenta uma ampla gama de variações para o brincar. Sendo assim, possui uma estrutura básica mais conhecida. No entanto, também podem ser criadas movimentações entre os participantes da brincadeira, respeitando as regras que a fundamentam. Entenda melhor essas questões a seguir.

Como jogar amarelinha africana

Como comentado, a amarelinha africana, que também é chamada de teca-teca, é jogada de diferentes formas, utilizando um espaço quadriculado 4×4 (16 quadrados). Esse espaço constitui a “quadra” do jogo. Assim, as movimentações da brincadeira são definidas previamente entre os participantes, assim como a forma de marcação do ritmo. Com esses elementos definidos, a brincadeira pode ser realizada.

A forma mais simples de brincar de amarelinha africana é a seguinte: um jogador se posiciona em frente à extremidade esquerda dos quadrados e inicia saltando com um pé em cada quadrado (primeira fileira). Na sequência, desloca-se lateralmente para a esquerda e retorna ao ponto de partida, saltando sempre para o quadrado livre na lateral e mantendo um pé em cada quadrado.

Ao retornar aos primeiros quadrados nos quais saltou, o jogador salta nos quadrados da fileira da frente (segunda fileira) e realiza as mesmas movimentações de deslocamento. Assim, segue essa dinâmica, deslocando-se, então, para a terceira e a quarta fileira e, assim, terminando o jogo. Vale ressaltar que cada salto de deslocamento deve ocorrer na marcação mais forte da música (ou do ritmo) de acompanhamento.

Essa é a forma mais tradicional e simples de jogar amarelinha africana. É importante frisar que o deslocamento lateral (ida e volta) nos momentos ritmados é uma característica fundamental desse jogo. Sendo assim, veja os vídeos a seguir para saber mais sobre a amarelinha africana. Com eles, você também pode conferir outras formas de realizar a brincadeira e ter ideias para criar sua própria forma de brincar.

Saiba mais sobre a amarelinha africana

A seguir, você encontra vídeos para complementar as informações apresentadas acima e auxiliar na dinâmica da brincadeira. Pelos vídeos, é possível, também, aprender variações desse jogo. Assista e confira!

Explicando o jogo

Aqui, a professora Gisele Santos explica como é realizada a brincadeira amarelinha africana. O vídeo demonstra como a forma tradicional do jogo, explicada na matéria, é realizada com duas e com quatro pessoas. Além disso, também apresenta variações bem interessantes para serem realizadas. Não deixe de conferir.

Amarelinha do isolamento

A amarelinha do isolamento, apresentada nesse vídeo, é uma brincadeira idealizada pela professora Gisele Santos inspirada na amarelinha africana. Ela foi pensada para ser realizada individualmente, devido ao período de isolamento social, vivido em função da pandemia de Covid-19. É uma brincadeira divertida e desafiadora. Assista para conferir.

Variação do jogo

Confira, nesse vídeo das professoras Tarcila e Tarcilene, outra possibilidade de variação para jogar amarelinha africana. Vale notar que as professoras acrescentam a pontuação como um elemento de estímulo para a brincadeira, mas que a amarelinha africana, em si, não possui elementos competitivos. Assista para entender a variação proposta.

Esta matéria apresentou as principais características da amarelinha africana. Além disso, explicou como jogá-la e trouxe vídeos complementares com possibilidades de variações do jogo. Continue estudando a respeito das práticas corporais africanas conferindo também sobre danças africanas.

Referências

Diversidade de culturas na amarelinha africana (On-line) – Patrícia Camargo (2019)

João Paulo Marques
Por João Paulo Marques

Professor mestrando em Educação Física formado pela Universidade Estadual de Maringá. Pesquisador integrante do Grupo de Pesquisa Corpo, Cultura e Ludicidade (GPCCL/UEM/CNPq) e do Grupo de Estudos Foucaultianos (GEF/ UEM/CNPq). Temáticas estudadas envolvem corpo, subjetividade, discurso, cultura e saúde.

Como referenciar este conteúdo

Marques, João Paulo. Amarelinha africana. Todo Estudo. Disponível em: https://www.todoestudo.com.br/educacao-fisica/amarelinha-africana. Acesso em: 17 de September de 2021.

Exercícios resolvidos

1. [SEDEL-2020]

No jogo de amarelinha africana, quantos espaços são formados por seus quadrados?

A) 15.
B) 16.
C) 17.
D) 18.

A resposta correta é a letra B.
O espaço de jogo da amarelinha africana é formado por 16 quadrados pequenos, dispostos em 4 linhas e 4 colunas que se complementam, formando um quadrado maior.

2.

A respeito da amarelinha africana, é incorreto afirmar que

A) também é chamada de teca-teca.
B) tem origens em Moçambique.
C) é jogada com uma pedrinha em um quadrado 4×4.
D) podem brincar várias pessoas ao mesmo tempo.

A resposta correta é a alternativa C.
Como ressaltado na matéria, essa amarelinha não usa pedrinha ou similares para ser jogada.

Compartilhe

TOPO