Frescobol

Frescobol é um esporte cooperativo em que dois ou três jogadores jogam entre si uma bolinha usando raquetes, tendo como objetivo manter a bola no ar o máximo possível.

Embora uma característica geral dos esportes seja a competitividade, é possível que algumas modalidades se constituam de modo alternativo. O frescobol é uma modalidade que se desenvolveu nesse sentido, constituindo-se como um esporte colaborativo. Sendo assim, esta matéria apresenta esse esporte, comentando sobre seu funcionamento, suas regras, seus equipamentos e outras características. Acompanhe e conheça o frescobol.

Publicidade

O que é o frescobol?

Originado nas praias de Copacabana e tipicamente praticado à beira-mar, o frescobol é um esporte de raquete jogado entre duas pessoas que têm como objetivo manter a bola rebatida no ar, lançando-a entre si. A criação desse esporte é atribuída ao paraense Lian Pontes de Carvalho, em 1945. Desde então, a modalidade vem ganhando diversos adeptos, nacional e internacionalmente.

O nome frescobol remete ao início da sua história, quando os primeiros praticantes buscavam seu espaço nas orlas para jogar o jogo, até então sem um nome específico. Entre os praticantes, havia a preferência pela região úmida da areia, mais próxima ao mar, por ser mais fresca em relação às faixas mais distantes. Dessa preferência decorre o nome “fresco” (referente à “areia úmida”) “bol” (de ball: “bola” em inglês).

Como funciona o frescobol?

No frescobol, duas pessoas jogam uma pequena bola de borracha usando uma raquete de madeira com o objetivo de manter a bola no ar pelo maior tempo possível, colaborando entre si para que ela não caia/toque no chão. Portanto, trata-se de um jogo dinâmico e sem pontuação, em que, apesar do espírito esportivo, não há competição entre os jogadores. Conheça a seguir as principais regras desse esporte.

Principais regras

  • Uma equipe de frescobol pode ser uma dupla, em que um jogador se posiciona de cada lado do espaço de jogo, ou uma trinca (trio), em que o terceiro jogador se posiciona como pivô, entre os dois companheiros, formando um triângulo.
  • O espaço de jogo é delimitado por uma marcação retangular em que se estabelecem, nas dimensões máximas de 26 x 16 metros a zona de jogo, a zona proibida e a zona da salvamento/recuperação.
  • A distância mínima ideal entre um jogador e outro deve ser de oito metros. Entretanto, cada equipe pode adequar essa distância conforme o ideal para ela.
  • Os jogadores podem jogar no estilo livre (manter a bola no ar o maior tempo possível), veloz (realizar o maior número possível de batidas durante um minuto), radical (une os dois objetivos anteriores, sendo que os ataques devem ser potentes e precisos) ou especialista (define-se um atacante e u defensor, viando os objetivos de permanência da bola no ar e potência e precisão nos ataques).
  • Considera-se um ataque quando um jogador aumenta a velocidade da bola na batida. Nesse caso, a bola é rebatida com maior força do que foi recebida pelo jogador.
  • A sequência do jogo é definida pela quantidade de bolas trocadas entre os jogadores e/ou pelo tempo em que ela permanecer no ar sem cair no chão.
  • Em partidas oficiais o jogo de cada equipe (apresentação) costuma durar cinco minutos, pausando-se o cronômetro sempre que uma sequência acaba. Além disso, nessas partidas são avaliados o nível de dinamismo, complexidade e competitividade da disputa entre dois jogadores, considerando-se como critérios as características apresentadas nas regras anteriores (sequência, ataque, equilíbrio entre as especialidades e intensidade das batidas).

Agora que você conhece as principais regras do frescobol, veja quais são os equipamentos necessários para praticar esse esporte.

O que é preciso para jogar frescobol?

Uma das vantagens do frescobol é a acessibilidade no que se refere aos equipamentos e espaços em que pode ser praticado. Seus equipamentos costumam ser de fácil acesso e adaptação, o que favorece a prática para iniciantes ou em momentos de lazer. Sendo assim, veja quais são os equipamentos necessários para jogar frescobol e suas características.

Publicidade

  • Raquete: de modo geral, são feitas em fibra, madeira oca ou maciça, ou material similar. Possuem largura máxima de 25cm e comprimento máximo de 50cm, incluindo o cabo e costumam pesar entre 250g e 450g.
  • Bola: possui formato esférico (redondo), é impermeável, feita de borracha lisa e despressurizada (sem pressão interna). Seu peso aproximado é de 40g, com 5,7cm de diâmetro. Podem ser de qualquer cor ou marca, sendo as mais comuns as da Ektelon (azul) e da Penn (azul e amarela).
  • Vestimenta: variável conforme o local das apresentações/partidas, a vestimenta ideal para pratica frescobol em praias é biquíni/maiô e sunga, jogando-se descalço. Em campos, quadras, praças e afins, recomenda-se o uso de calçados fechados (tênis), shorts e camisetas leves.

Como é possível perceber, não são necessários muitos equipamentos para que se possa praticar frescobol. Isso faz com que essa seja uma prática bastante atrativa e acessível, o que contribui para que um maior número de pessoas desfrutem dos benefícios que esse esporte pode proporcionar aos praticantes.

Que benefícios o frescobol proporciona?

Por se tratar de uma prática esportiva que aciona e desenvolve capacidades físicas, cognitivas, afetivas e sociais dos praticantes, o frescobol proporciona diversos benefícios. Sendo assim, veja a seguir alguns desses benefícios e entenda como essa modalidade pode impactar positivamente a vida das pessoas que se envolvem com ela.

  • Favorece o desenvolvimento e aprimoramento de habilidades esportivas de todos os participantes, de modo harmônico e conjunto.
  • Desenvolve habilidades de relacionamento interpessoal, como empatia e tolerância, especialmente no que se refere ao erro do outro, já que há a busca pela correção e pelo aprimoramento em benefício da pessoa e também dos demais.
  • Possibilita a melhora de capacidades físicas e motoras, como coordenação, lateralidade, equilíbrio, agilidade, entre outras relacionadas à funcionalidade do organismo e à prática de atividades físicas e esportivas.
  • Possui caráter salutar e terapêutico, promovendo o bem-estar, especialmente pelo vínculo a momentos de lazer. Além disso, favorece a criação de hábitos saudáveis e potencialmente melhora a qualidade de vida, pois estimula comportamentos mais ativos/menos sedentários.
  • É um esporte de baixo custo com equipamentos e de fácil aprendizado, o que favorece a prática por iniciantes e por pessoas que não almejam o profissionalismo na modalidade.

Esses são alguns dos inúmeros benefícios que a prática do frescobol pode proporcionar aos praticantes. Quer saber mais sobre essa modalidade? Então confira algumas curiosidades a seu respeito.

Publicidade

Curiosidades sobre o frescobol

O frescobol é um esporte dinâmico, colaborativo, de acesso e prática facilitados. Por essas e outras características, esse esporte tem despertado interesse nas pessoas ao redor do mundo. Sendo assim, a seguir estão algumas curiosidades a seu respeito, para que você o conheça melhor.

  • O primeiro Mundial de Frescobol aconteceu em março de 2015. O evento foi realizado no município de Playa del Carmen, no México, e teve ampla cobertura de emissoras de televisão comprometidas com a promoção mundial do esporte.
  • Até 1976 o frescobol era praticado usando-se bolas de tênis, com peso maior do que as bolas de frescobol usadas atualmente no esporte. No entanto, para que as bolas não molhassem ao caírem na água, costumava-se raspá-la no asfalto para retirar sua camada de tecido.
  • Uma particularidade bastante característica do frescobol é seu caráter cooperativo. Isso se deve à própria dinâmica do esporte, em que os jogadores precisam cooperar para manter a bola suspensa, ao invés de competirem entre si. Ao mesmo tempo, essa característica gera certo estranhamento em relação à modalidade, uma vez que o caráter esportivo é demarcado pelo elemento competitividade.
  • Embora tipicamente praticado em praias, o frescobol também pode ser jogado em quadras (areia, concreto, madeira) e campos (gramado), bem como, adaptado para outros espaços.
  • No Brasil existem três estilos comuns de jogo de frescobol: o carioquinha (jogado à distância máxima de seis metros e caracterizado pelo controle diagonal da bola em velocidade), o clássico (jogado com distância de seis a nove metros entre os jogadores e caracterizado por jogadas de alto impacto: ataques e defesas constantes) e o longo (jogado com distância superior a nove metros e caracterizado pela cadência (ritmo regular) das bolas.

Essas são algumas curiosidades sobre o frescobol. Para saber mais sobre esse esporte confira os vídeos apresentados a seguir.

Saiba mais sobre o frescobol

A seguir estão alguns vídeos complementares ao conteúdo apresentado nesta matéria, para que você saiba mais sobre o frescobol e entenda melhor o funcionamento e a prática desse esporte. Não deixe de assisti-los.

Nesse vídeo a atleta Carolina Naltchadjian comenta a respeito do que é e de como jogar frescobol. No vídeo ela comenta a respeito de características desse esporte, incluindo deu caráter colaborativo, os espaços em que pode ou não ser praticado e os equipamentos necessários para isso. Assista para saber mais sobre o frescobol.

Publicidade

Fundamento forehand

Nesse vídeo a atleta Carolina explica como realizar o forehand, um fundamento de batida. Comenta a respeito das limitações das técnicas de empunhadura e das diferenças entre empunhaduras de iniciantes e avançados na prática, comentando sobre características de movimentos de cada uma. Confira para saber mais.

Fundamento backhand

Dando continuidade às explicações a respeito dos fundamentos do frescobol, nesse vídeo a atleta Carolina explica como realizar o backhand, outro fundamento de batida característico de esportes com raquetes e utilizado na prática do frescobol. Assista para conhecer as características e limitações dessa forma de empunhadura.

Desafio 150 toques

Nesse vídeo a atleta e professora de squash, Carolina Raucci, comenta um pouco sobre as características básicas do frescobol, apresentadas nesta matéria, e também de algumas particularidades da empunhadura e dos equipamentos do esporte. O vídeo é um registro do desafio de chegar a 150 toques, uma forma divertida e estimulante de jogar frescobol. Assista para conferir e visualizar a prática desse esporte.

Nesta matéria você conheceu o frescobol, um esporte de raquete praticado entre duplas ou trincas de modo colaborativo e em diferentes espaços, embora tradicionalmente jogado em praias. Nesse sentido, continue seus estudos sobre modalidades semelhantes conferindo a matéria sobre jogos colaborativos e conhecendo exemplos de práticas a serem realizadas.

Referências

Associação Brasileira de Frescobol (On-line) – Disponível em: http://abraf2012.blogspot.com/. Acesso em: 19 de fev. de 2022.

Confederação Brasileira de Frescobol (On-line) – Disponível em: https://www.cbraf.com.br/. Acesso em: 19 de fev. de 2022.

João Paulo Marques
Por João Paulo Marques

Professor de Educação Física graduado pela Universidade Estadual de Maringá (UEM). Mestrando em Práticas Sociais em Educação Física (PEF-UEM/UEL). Pesquisador integrante do Grupo de Pesquisa Corpo, Cultura e Ludicidade (GPCCL/UEM/CNPq) e do Grupo de Estudos Foucaultianos (GEF/ UEM/CNPq).

Como referenciar este conteúdo

Marques, João Paulo. Frescobol. Todo Estudo. Disponível em: https://www.todoestudo.com.br/educacao-fisica/frescobol. Acesso em: 17 de May de 2022.

Exercícios resolvidos

1. [EBSERH-2013]

Considere o texto abaixo e responda a questão a seguir.

Tênis X Frescobol (Rubem Alves)
O tênis é um jogo feroz. O seu objetivo é derrotar o adversário. E a sua derrota se revela no seu erro: o outro foi incapaz de devolver a bola. Joga-se tênis para fazer o outro errar. O bom jogador é aquele que tem a exata noção do ponto fraco do seu adversário – e é justamente para aí que ele vai dirigir a sua cortada – palavra muito sugestiva, que indica o seu objetivo sádico, que é o de cortar, interromper, derrotar. O prazer do tênis se encontra, portanto, justamente no momento em que o jogo não pode mais continuar porque o adversário foi colocado fora de jogo. Termina sempre com a alegria de um e a tristeza de outro.
O frescobol se parece muito com o tênis: dois jogadores, duas raquetes e uma bola. Só que, para o jogo ser bom, é preciso que nenhum dos dois perca. Se a bola veio meio torta, a gente sabe que não foi de propósito e faz o maior esforço do mundo para devolvê-la gostosa, no lugar certo, para que o outro possa pegá-la. Não existe adversário porque não há ninguém a ser derrotado. Aqui ou os dois ganham ou ninguém ganha. E ninguém fica feliz quando o outro erra – pois o que se deseja é que ninguém erre. O erro de um, no frescobol, é um acidente lamentável que não deveria ter acontecido, pois o gostoso mesmo é aquele ir e vir, ir e vir, ir e vir… E o que errou pede desculpas, e o que provocou o erro se sente culpado. Mas não tem importância: começa-se de novo este delicioso jogo em que ninguém marca pontos…

A crônica de Rubem Alves contextualiza duas práticas da cultura de movimento no qual a competição se desenvolve em perspectivas diferentes. O tênis da forma apresentada pelo autor pode ser associado à dimensão “rendimento” e o frescobol à dimensão “educação”. Relacione as colunas de acordo, associando os tipos de esporte às suas respectivas características.

I – Esporte Rendimento
II – Esporte Educação

A- Objetiva o máximo desempenho.
B- Visa à aprendizagem e orienta-se para a generalidade
C- Enfatiza o processo.
D- Preocupa-se com a pessoa comum e é inclusivo.
E- Orienta-se para a especificidade.
Alternativas
A) I – A, B; D; II – C, E.
B) I – B, C; II – A, D, E.
C) I – C, D, E; II – A, B.
D) I – A, E; II – B, C, D.

As alternativas A e E referem-se a usos dos esportes orientados ao rendimento. Já as alternativas B, C e D correspondem a características de esportes cuja finalidade é voltada à educação. Portanto, a resposta correta é a letra D.

2.

Sobre o frescobol, analise as afirmações a seguir.

I) É um esporte de origem brasileira, cujo nome significa jogar bola no fresco.

II) Nesse esporte as pessoas jogam uma bolinha entre si, rebatendo-a de modo a não deixá-la cair, não havendo regras quanto ao número de pessoas ou à distância entre os jogadores.

III) É um esporte fácil de ser praticado, pois incita que os participantes colaborem para sua realização, além de ter equipamentos simples e de fácil acesso e promover inúmeros benefícios para a saúde e o bem-estar dos praticantes.

Está coreto o que se afirma
A) somente a alternativa II.
B) nas alternativas I e III
C) nas alternativas I e II.
D) todas as alternativas.
E) nenhuma das alternativas.

A afirmação II está incorreta, pois, entre as regras do frescobol, há especificações da distância ideal entre os jogadores (oito metros), e há também a delimitação da prática em duplas ou tricas. Portanto, a resposta correta é a alternativa B.

Compartilhe

TOPO