Juros simples

Os juro simples estão presentes em nosso cotidiano, principalmente quando realizamos a compra de algum produto a prazo. Para saber seu valor final, calcula-se a quantia adicional de cada pagamento.

Sempre quando compramos alguma coisa a prazo, dependendo do lugar, é adicionado um acréscimo sobre o preço do produto. Esse acréscimo é conhecido como juros. Seu cálculo depende de cada loja ou produto. Entenda aqui o que são juros simples e como calculá-los.

Índice do conteúdo:

Como fazer o cálculo de juros simples?

Em outras palavras, os juros são uma compensação financeira que se paga sobre uma determina quantia por um certo período de tempo. Por sua vez, os juros simples referem-se apenas a aplicação sobre o capital que está sendo utilizado. Por exemplo, suponha que você compre uma geladeira que custa R$950,00 em 3 vezes. Os juros sobre o que você pagou podem ser demonstrados a seguir.

Os juros são diretamente proporcionais ao capital (C), à taxa (i) e ao tempo. Pode-se utilizar a seguinte fórmula para se calcular os juros:

Sendo que:

  • J: é o total dos juros a serem pagos sobre o capital;
  • C: é o capital. Em outras palavras, corresponde ao valor bruto de algo;
  • i: é a taxa de juros, em porcentagem;
  • t: é o tempo a ser pago o produto ou objeto.

Para se calcular o valor total do produto ao final do tempo estipulado, podemos somar o capital ao valor total dos juros e chamamos isso de montante. Ele pode ser calculado segundo a fórmula a seguir:

Saiba mais sobre juros simples

Para que você possa ter um compreendimento melhor sobre o assunto, serão apresentadas algumas videoaulas a seguir!

Conceitos e exemplos de juros simples

Neste vídeo, um breve conceito de juros simples é apresentado seguido por alguns exemplos. Dessa forma, você conseguirá ver na prática como se aplica este tipo de juros!

Alguns métodos para se resolver juros simples

Aqui, serão apresentados três métodos para se obter juros simples.

Exercícios resolvidos

Para que você consiga se dar muito bem nas provas, aqui é apresentado um vídeo com exercícios resolvidos!

Por fim, é importante que você revise sobre porcentagem e matemática financeira!

Referências

IEZZI et al. Matemática: ciência e aplicações. Ensino Médio.

DANTE, Luiz Roberto. Matemática: contexto & aplicações. Ensino Médio.

Guilherme Santana da Silva
Por Guilherme Santana da Silva

Graduado no curso de Física pela Universidade Estadual de Maringá. Professor assistente em um colégio de ensino médio e preparatório para os vestibulares. Nas horas vagas se dedica à vida religiosa, praticar mountain bike, tocar bateria, dar atenção à família e cuidar de suas duas gatinhas Penélope e Mel.

Como referenciar este conteúdo

Santana, Guilherme. Juros simples. Todo Estudo. Disponível em: https://www.todoestudo.com.br/matematica/juros-simples. Acesso em: 04 de December de 2020.

Exercícios resolvidos

1.

Uma pessoa aplicou o capital de R$ 1.200,00 a uma taxa de 2% ao mês durante 14 meses. Determine os juros e o montante dessa aplicação.

Temos os seguinte dados:
Capital (C) = R$ 1.200,00
Tempo (t) = 14 meses
Taxa (i) = 2% ao mês = 2/100 = 0,02

Podemos então aplicar a fórmula dos juros simples
J = C * i * t
J = 1200 * 0,02 * 14
J = 336

Para determinar o montante, podemos aplicar sua fórmula
M = C + J
M = 1200 + 336
M = 1536

O valor dos juros da aplicação é de R$ 336,00 e o montante a ser resgatado é de R$ 1.536,00.

2.

Um capital aplicado a juros simples durante 2 anos, sob taxa de juros de 5% ao mês, gerou um montante de R$ 26.950,00. Determine o valor do capital aplicado.

Temos os seguinte dados
Montante (M) = R$ 26.950,00
Tempo (t) = 2 anos = 24 meses
Taxa (i) = 5% ao mês = 5/100 = 0,05

Para determinarmos o capital precisamos fazer a seguinte adaptação:

M = C + J
J = M – C

Substituindo na fórmula J = C * i * t, temos:

M – C = C * i * t
26950 – C = C * 0,05 * 24
26950 – C = C * 1,2
26950 = 1,2C + C
26950 = 2,2C
C = 26950/2,2
C = 12250

Portanto, o capital aplicado foi de R$ 12250,00.

Compartilhe

TOPO