Marcha atlética

A marcha atlética é um esporte olímpico que está entre as modalidades do atletismo.

A marcha atlética é uma das modalidades disputadas no atletismo. Suas provas são compostas pela execução de uma progressão de passos de modo a sempre manter ao menos um dos pés em contato com o solo. A seguir, conheça características, regras, benefícios e curiosidades dessa modalidade. Acompanhe:

Resumo

A marcha atlética se originou de competições de caminhadas comumente realizadas na Inglaterra entre os séculos XVII e XIX. Embora fosse inicialmente considerada uma modalidade estranha à população, foi tornando-se atrativa e ganhando popularidade nesse período. Assim, a modalidade adquiriu caráter esportivo e estreou nos Jogos Olímpicos de Londres 1908. No entanto, ficou de fora das edições posteriores, voltando a ser disputada apenas na edição de Amsterdã 1928.

O Brasil realizou a primeira disputa da modalidade em 1937, em Porto Alegre, tendo o atleta Carminho Klein como vencedor. Já o envolvimento olímpico com essa modalidade foi marcado pela edição dos Jogos Olímpicos de Seul 1988, quando houve a primeira participação brasileira na competição. Nessa edição, o país foi representado por Marcelo Palma, que ocupou a 45ª colocação, com tempo de prova de 1h31min42s.

Características da marcha atlética

Nessa modalidade, o atleta deve caminhar em formato de marcha durante todo o percurso da prova. Para isso, a técnica da caminhada apresenta, como princípio, a manutenção do contato constante com o solo. Para isso, a cada passo do atleta, a perna que avança deve estar completamente estendida. Desse modo, é necessária uma técnica de quadril (“requebrar”) para que o deslocamento ocorra da forma adequada às regras da modalidade.

Regras

Veja, a seguir, as principais regras da marcha atlética, conforme propõe a Associação Internacional de Federações de Atletismo (IAAF):

  • Percurso: as provas são disputadas em ruas e estradas por homens e mulheres, com distâncias de 10 km, 20 km e 50 km.
  • Juízes: os juízes são distribuídos ao longo do percurso da prova e possuem placas amarelas e vermelhas para sinalizar as infrações dos competidores.
  • Gravação oficial: sempre que possível, deve ser feita a gravação oficial em vídeo das provas, para satisfação do Delegado Técnico e do Árbitro de Vídeo, assegurando o cumprimento das regras.
  • Infrações: se um atleta retirar os dois pés do chão, ele é advertido com uma placa amarela. Caso receba três advertências amarelas, é desclassificado (advertência vermelha).
  • Classificação: os atletas são classificados por ordem de finalização do percurso da prova, ao cruzarem a linha de chegada. Assim, conforme a ordem de chegada, é constituído o placar indicando a colocação e o tempo de prova de cada atleta, sendo o pódio composto pelos três primeiros atletas que concluírem a prova.

Essas são as regras básicas proposta pela IAAF para a modalidade. Portanto, agora que você já as conhece, saiba também os benefícios proporcionados pela prática da marcha atlética.

Benefícios da marcha atlética

Assim como as demais práticas de atividade física, a marcha atlética promove benefícios para seus praticantes. Veja os principais deles:

  • Por meio do programa de treinamento voltado ao aperfeiçoamento na modalidade, a marcha atlética promove a melhora da capacidade de resistência do atleta, ou seja, melhora sua capacidade de resposta ao estresse promovido pela prática dos exercícios.
  • A força é um aspecto inerente à modalidade, sendo aprimorada com o envolvimento do atleta nos treinamentos. Isso porque o envolvimento com o treinamento, além da resistência, também desenvolve a capacidade de economia de trabalho, a tonificação muscular e a eficiência do gesto motor da corrida.
  • Outro aspecto considerado como vantagem da prática da marcha atlética é a velocidade. Esse benefício também está intimamente relacionado ao aprimoramento técnico, por meio do qual a eficiência do movimento é melhorada.
  • Mais um benefício associado à prática esportiva da modalidade está relacionado ao desenvolvimento das qualidades morais do praticante. Isso se deve, sobretudo, à força de vontade exigida do atleta para se manter ativamente envolvido com as atividades e, consequentemente, melhorando seu rendimento esportivo.
  • A intensidade do treinamento e a constância na modalidade estimula as atividades do sistema musculoesquelético e gera readequações fisiológicas no organismo. Com isso, processos como o transporte de oxigênio e de nutrientes para órgãos e células do corpo, ou mesmo os do sistema sanguíneo, são facilitados e potencializados.

Esses são alguns dos benefícios proporcionados aos praticantes da marcha atlética. Além disso, essa modalidade apresenta elementos bastante curiosos. Veja-os a seguir!

Curiosidades sobre a marcha atlética

Confira curiosidades sobre a marcha atlética e conheça mais a respeito dessa modalidade olímpica:

  • As(os) atletas de marcha atlética são chamadas(os) de marchadoras(es).
  • A saída da marcha atlética das Olimpíadas, após sua estreia na edição de Londres 1908, é atribuída à grande quantidade de críticas que a modalidade recebeu. Entre tais críticas se encontra, principalmente, a da fragilidade da fiscalização quanto à exigência de que os atletas mantenham o contato constante dos pés com o solo.
  • Os recordes mundiais da modalidade são atribuídos aos seguintes atletas, conforme suas categorias: ao austríaco Nathan Deakes e à chinesa Liu Hong na prova de 50 km, com tempos de 3h25min47s e 3h59min15s, respectivamente; ao atleta equatoriano Jefferson Pérez e à russa Olimpiada Ivanova na prova de 20 km, com tempos de 1h67min21s e 1h25min41s, respectivamente.
  • A marcha atlética é disputada em Olimpíadas e Mundiais. Entretanto, além desses eventos, a modalidade também possui um mundial próprio, especificamente organizado para o esporte e disputado a cada dois anos.
  • O polonês Robert Korzeniowski é considerado o maior marchador de todos os tempos, pois as vitórias conquistadas durante sua carreira, especificamente entre 1996 e 2004, renderam-lhe os títulos de tetracampeão olímpico e tricampeão mundial da modalidade.
  • É comum, entre os(as) marchadores(as), o uso de vaselina nas regiões dos olhos, das axilas e das virilhas. Com isso, os(as) atletas protegem essas áreas sensíveis durante uma corrida, evitando possíveis fissuras e sangramentos – situações comumente identificadas entre os praticantes da modalidade.

Essas são algumas das curiosidades que compõem a marcha atlética. Ficou interessado em saber mais sobre a modalidade? Então confira os vídeos a seguir!

Saiba mais sobre a marcha atlética

Na sequência, você confere vídeos complementares ao conteúdo apresentado nesta matéria. Assista-os para compreender melhor os aspectos constituintes da modalidade.

Atletismo e marcha atlética

Esse vídeo apresenta as modalidades que compõem a prova de atletismo, dentre as quais se encontra a marcha atlética. Confira para conhecê-las!

Características e princípios

Nesse vídeo, são comentadas as características e os princípios da modalidade, além de suas regras básicas, conforme apresentado na matéria. Acompanhe e compreenda melhor esses aspectos!

Penalização

iStock

Aqui, comenta-se a respeito das características da modalidade, destacando a regra do contato constante do atleta com o solo. Além disso, apresenta momentos de uma prova, focalizando a eliminação de uma marchadora por penalização quanto a essa regra. Confira o vídeo para entender melhor a modalidade!

Esta matéria apresentou aspectos históricos e constitutivos da marcha atlética, comentando também sobre seus princípios e suas regras básicas. Além disso, discutiu curiosidades e benefícios relacionados à sua prática. Continue estudando sobre as modalidades esportivas olímpicas conferindo o conteúdo sobre atletismo!

Referências

Associação Internacional de Federações de Atletismo [on-line] – Disponível em: https://www.worldathletics.org/. Acesso em 10 dez. 2020.

Confederação Brasileira de Atletismo [on-line] – Disponível em: http://www.cbat.org.br/novo/. Acesso em 10 dez. 2020.

João Paulo Marques
Por João Paulo Marques

Professor de Educação Física graduado pela Universidade Estadual de Maringá (UEM). Pesquisador integrante do Grupo de Pesquisa Corpo, Cultura e Ludicidade (GPCCL/UEM/CNPq) e do Grupo de Estudos Foucaultianos (GEF/ UEM/CNPq). Pesquisas focalizando corpo, subjetividade, discurso e cultura física.

Como referenciar este conteúdo

Marques, João Paulo. Marcha atlética. Todo Estudo. Disponível em: https://www.todoestudo.com.br/educacao-fisica/marcha-atletica. Acesso em: 26 de January de 2021.

Exercícios resolvidos

1. [SEDUC/PA-2018]

O atletismo conta a história esportiva do homem no Planeta. É chamado de esporte base, porque sua prática corresponde a movimentos naturais do ser humano, tais como: correr, saltar, lançar. Não por acaso, a primeira competição esportiva de que se tem notícia foi uma corrida, nos jogos de 776 a.C., na cidade de Olímpia, na Grécia, que deram origem às Olimpíadas. A prova, chamada pelos gregos de “stadium”, tinha cerca de 200 metros e o vencedor, Coroebus, foi considerado o primeiro campeão olímpico da história. Na moderna definição, o atletismo é um esporte com provas de pista, de campo, provas combinadas, pedestrianismo, corridas em campo, corridas em montanha e marcha atlética. Pode-se inferir que são exemplos de provas combinadas:

A) Decatlo e heptatlo.
B) Marcha atlética e maratona.
C) Corrida rasa e corrida com barreiras.
D) Salto em altura e salto em distância.

A resposta correta é a alternativa A.

As modalidades combinadas envolvem provas em que mais de uma modalidade esportiva estão envolvidas.
No caso do decatlo, as modalidades envolvidas são corrida de 100 m, salto em distância, salto em altura, lançamento de peso, lançamento de disco, lançamento de dardo, salto com vara, corrida de 1500 m, corrida de 400 m e corrida de 110 m com barreira.
Já no heptatlo, são disputadas provas de 100 m com barreiras, salto em altura, arremesso de peso, 200 m rasos, salto em distância, lançamento de dardo e 800 m rasos.

2. [UEM-2010]

Sobre Atletismo, assinale o que for correto.

01) O Atletismo existe desde o surgimento do homem, pois o mais antigo dos ancestrais humanos já andava, corria, saltava e lançava coisas.
02) Na moderna definição, o Atletismo é um esporte com provas de pista (corridas), de campo (Saltos e Lançamentos), provas combinadas, como o Decatlo e o Heptatlo (provas de pista e campo), o Pedestrianismo (corridas de rua, como a Maratona), corridas de campo (Cross Country), corridas em montanha e Marcha Atlética.
04) A primeira competição esportiva de que se tem notícia foi uma corrida, nos Jogos de 776 A.C., na cidade de Olímpia, na Grécia, o que impulsionou o surgimento das Olimpíadas.
08) Desde a Grécia Antiga até a década de 90 do século passado, o Atletismo foi considerado como o principal esporte olímpico. A partir do ano de 2000, porém, duas outras modalidades vêm se tornando principais nas Olimpíadas: o Voleibol e o Futebol.
16) Adhemar Ferreira da Silva foi o primeiro saltador de triplo do Brasil a estabelecer o recorde mundial na prova. Os outros recordistas foram João Trindade de Oliveira e Vanderlei Cordeiro de Lima.

A resposta correta é 07: 01+02+04.

A alternativa 08 está incorreta, pois o atletismo ainda á considerado o principal esporte dos Jogos Olímpicos.

A alternativa 16 está incorreta, pois João Trindade de Oliveira e Vanderlei Cordeiro de Lima não são atletas da modalidade salto triplo.

Compartilhe

TOPO