Civilização Cretense

A civilização cretense passou por três importantes períodos, tendo seu desenvolvimento comercial e político basicamente na terceira.

Conhecida também pelo nome de civilização minóica, pouco se sabe sobre a origem da Civilização Cretense. Segundo alguns pesquisadores, sua origem teria se dado a partir de algumas populações da Ásia Menor que navegaram até a Ilha de Creta, constituindo lá suas instalações. A sociedade, entretanto, acabou se multiplicando, tendo sua economia solidificada, tendo como base o comércio marítimo de produtos na região da Ásia Menor e na região balsânica. Pode-se dizer que os principais produtos que eram por eles comercializados, eram os objetos de bronze, além das armas, tecidos e joias.

Publicidade

A História da Civilização Cretense

Historiadores observaram basicamente três períodos na história da Civilização Cretense. O primeiro deles refere-se à Civilização Egeia, relativa aos primeiros habitantes da Ilha de Creta, tendo como dedicação principal a agricultura e o pastoreio. O segundo, por sua vez, é a civilização cretense, onde há um estímulo e um aumento significativo das atividades comerciais, assim como a criação e desenvolvimento de uma unidade política. Por fim, o terceiro, refere-se à Civilização Minoica, que teve início logo após a destruição das cidades cretenses por um terremoto, segundo historiadores.

Civilização Cretense
Imagem: Reprodução

Quando houve essa destruição, as cidades foram reconstruídas trazendo um grande crescimento econômico e, inclusive, a formação de uma monarquia. O rei, governante, recebia o nome de Mino, tendo como função a de chefe político e religioso. Foram construídos para estes alguns palácios que tinham algumas armadilhas que visavam evitar invasões, como os labirintos por exemplo. A mitologia grega diz que estes foram construídos para dar abrigo ao Minotauro, uma temida criatura selvagem que seria metade homem e metade touro.

Além do desenvolvimento econômico, houve ainda o desenvolvimento social e da escrita. Nominada de linear A, foram encontrados vestígios dessa escrita em placas de argila, sendo de certa forma semelhantes com a escrita dos egípcios. Foram encontradas também referências da escrita que ficou denominada Linear B.

Com relação à religião, os cretenses adoravam a “deus mãe”, que era a principal divindade e símbolo de fertilidade. A sociedade cretense, portanto, por adorar a uma deusa mulher, dava bastante valor às mulheres.

O declínio da Civilização Cretense, segundo historiadores, se deu em decorrência de causas naturais, como erupções vulcânicas, tsunamis e terremotos, deixando a sociedade mais frágil e incapaz de manter-se forte para defender-se da invasão de outros povos, chegando, portanto, ao seu fim.

Publicidade

Referências

Toda a História – História Geral e História do Brasil – José Jobson de A. Arruda, Nelson Piletti

História Geral – Edição Atualizada – Claudio Vicentino

Natália Petrin
Por Natália Petrin

Formada em Publicidade e Propaganda. Atualmente advogada com pós-graduação em Lei Geral de Proteção de Dados e Direito Processual Penal. Mestranda em Criminologia.

Como referenciar este conteúdo

Petrin, Natália. Civilização Cretense. Todo Estudo. Disponível em: https://www.todoestudo.com.br/historia/civilizacao-cretense. Acesso em: 26 de February de 2024.

Teste seu conhecimento

01. Os micênicos eram um povo de origem indo-europeia que se estabeleceu na região balcânica por volta de 2000 a.C. e que, entre o período de 1600-1200 a.C., viveu seu auge. Nesse período, os micênicos exerceram a hegemonia nessa região e absorveram um povo importante que habitava uma ilha no Mar Egeu. Estamos falando dos:

a) Dórios

b) Eólios

c) Jônios

d) Cretenses

e) Hititas

 

02. Até hoje, os historiadores não sabem ao certo se a Guerra de Troia de fato existiu ou se apenas foi um mito passado de geração em geração no mundo grego e registrado na forma escrita por Homero. No entanto, algumas teorias baseadas em indícios arqueológicos foram formuladas, e uma delas afirma que a Guerra de Troia foi um conflito dos micênicos (chamados de Ahhiyawa pelos seus inimigos) contra os:

a) Egípcios

b) Assírios

c) Hititas

d) Dórios

e) Cretenses

01. [D]

02. [C]

 

Compartilhe

TOPO