Estados físicos da água

Os estados físicos da água são o sólido, o líquido e o gasoso, abrangendo ainda as mudanças entre estes estados citados.

Os estados físicos da água dizem respeito a este fundamental elemento. De suma importância para a existência dos seres vivos, ela pode ser encontrada na natureza em três estados físicos: o líquido, o sólido e o gasoso. O ciclo da água, portanto, envolve a movimentação da água na natureza, apresentando seus processos de transformação.

A água em estado líquido é encontrada na maior parte do planeta em lagos, rios e oceanos, não apresentando forma própria. É a que consumimos diariamente, usamos para tomar banho ou até mesmo para cozinhar. No estado sólido, por sua vez, a água possui forma definida pelo local em que estavam antes de congelar. Como exemplo, podemos citar os cubos de gelo que usamos em nossas bebidas. Essa forma ocorre porque as moléculas de água estão muito próximas devido à temperatura, mantendo-as unidas. No estado gasoso, por fim, ocorre o oposto da água congelada. As moléculas mantêm-se muito distantes das outras, também em decorrência da temperatura, e não apresentam formas definidas.

Mudanças entre os estados físicos da água

Agora que já conhecemos os estados físicos da água, precisamos entender como essas mudanças podem ocorrer.

Quando falamos em mudança de estado sólido para o estado líquido, estamos falando da fusão, que é provocada pelo aquecimento. Podemos dar como exemplo o gelo, que não se mantém na forma sólida por muito tempo, derretendo, principalmente em dias de calor. Chamamos de ponto de fusão a temperatura em que a água passa do estado sólido para o líquido, sendo que o ponto de fusão da água é de 0ºC.

estados físicos da água
Imagem: Reprodução

A vaporização, por sua vez, é o nome que recebe o processo de mudança da água do estado líquido para o gasoso. Denominamos “ponto de ebulição” a temperatura em que uma substância passa do estado líquido para o estado gasoso, sendo o da água de 100ºC. A ebulição e a evaporação são tipos de vaporização, sendo que a principal diferença entre elas é a velocidade do aquecimento. Se for lenta, denominamos evaporação, e quando é um aquecimento mais rápido, chamamos de ebulição.

estados físicos da água gasoso
Imagem: Reprodução

A solidificação é quando o estado físico da água muda de líquido para sólido pelo arrefecimento ou resfriamento. O ponto de solidificação da água é de 0ºC. Novamente vamos usar o gelo como exemplo: quando colocamos água na forma de gelo e levamos ao refrigerador, ela se transforma em cubos de gelo, passando pela solidificação.

A liquefação é como chamamos a mudança direta do estado gasoso para o estado líquido, também denominada condensação, é decorrente do resfriamento, como ocorre com as geadas e com o orvalho que encontramos nas plantas.

estado físico da água
Imagem: Reprodução

Por fim, temos a sublimação, que refere-se da mudança direta do estado sólido para o estado gasoso decorrente do aquecimento. Além disso, temos a ressublimação, que é a mudança do estado gasoso para o estado sólido, por arrefecimento, como é o caso do gelo seco.

Referências

Os fundamentos da física – Nicolau Gilberto Ferraro, Francisco Ramalho Junior

Por Natália Petrin
Como referenciar este conteúdo

Petrin, Natália. Estados físicos da água. Todo Estudo. Disponível em: https://www.todoestudo.com.br/fisica/estados-fisicos-da-agua. Acesso em: 19 de June de 2021.

Teste seu conhecimento

01. [Facimpa] Observe:

I – Uma pedra de naftalina deixada no armário;

II – Uma vasilha de água deixada no freezer;

III- Uma vasilha de água deixada no fogo;

IV – O derretimento de um pedaço de chumbo quando aquecido;

Nesses fatos estão relacionados corretamente os seguintes fenômenos:

a) I. Sublimação; II. Solidificação; III. Evaporação; IV. Fusão.

b) I. Sublimação; II. Sublimação; III. Evaporação; IV. Solidificação.

c) I. Fusão; II. Sublimação; III. Evaporação; IV. Solidificação.

d) I. Evaporação; II. Solidificação; III. Fusão; IV. Sublimação.

e) I. Evaporação; II. Sublimação; III. Fusão; IV. Solidificação.

 

02. [UFSM] Quando se está ao nível do mar, observa-se que a água ferve a uma temperatura de 100 °C. Subindo uma montanha de 1 000 m de altitude, observa-se que:

a) a água ferve numa temperatura maior, pois seu calor específico aumenta.

b) a água ferve numa temperatura maior, pois a pressão atmosférica é maior.

c) a água ferve numa temperatura menor, pois a pressão atmosférica é menor.

d) a água ferve na mesma temperatura de 100 °C, independente da pressão atmosférica.

e) a água não consegue ferver nessa altitude.

01. [A]

02. [C]

 

Compartilhe

TOPO