Tecido Muscular

O tecido muscular é de extrema importância para o corpo humano, podendo ser separado em três tipos, categorizados de acordo com suas funções.

O corpo humano é composto de quatro tipos de tecidos, sendo que cada um deles carrega funções distintas. São eles o tecido epitelial, conjuntivo, muscular e nervoso. Mas o que são, afinal, os tecidos? Tecidos do corpo humano nada mais são do que um agrupamento de células com funções específicas desempenhadas. O tecido epitelial tem como funções principais o revestimento do corpo, a secreção de substâncias e a sensibilidade; o tecido conjuntivo, por sua vez, é composto por adiposo, cartilaginoso, ósseo e sanguíneo, cada qual com suas funções particulares; o tecido nervoso é formado por células nervosas denominadas neurônicos, tendo como função a transmissão dos impulsos nervosos; e por fim, o tecido muscular, que será explicado mais a fundo neste artigo.

Tecido Muscular

Imagem: Reprodução

O tecido muscular é composto por células especializadas em realizar contrações, que apresentam formato alongado e podem ou não ser multinucleadas. Possuem filamentos de proteína contráteis no citoplasma, sendo os principais a actina e a miosina. O tecido é produtor de calor, grande consumidor de energia e altamente vascularizado e inervado.

As estruturas celulares das células que compõe esse tecido são denominadas sarcolema (membrana celular), sarcoplasma (citoplasma) e retículo sarcoplasmático (retículo endoplasmático). Existem, entretanto, alguns tipos diferentes de tecidos musculares que são categorizados de acordo com as suas funções e características morfológicas. São eles o tecido muscular estriado esquelético, o tecido muscular estriado cardíaco e o tecido muscular liso.

Tecido muscular estriado esquelético

Presente em grande quantidade no corpo humano, esse tecido encontra-se preso ao esqueleto por meio de tendões, permitindo que possamos nos movimentar, seja andando, pegando ou manipulando objetos, entre outras coisas. A contração deste tecido é rápida, forte, voluntária e descontínua, sendo que este último se refere à não automatização da contração após ocorrer uma delas. Ou seja, é preciso que haja voluntariedade para que ela ocorra, dependendo, portanto, do comando central do indivíduo.

As células desse tecido apresentam formato alongado e cilíndrico, podendo chegar a ter até 30 cm de comprimento. Possuem grande quantidade de filamentos de miosina e actina, que recebem o nome de miofibrilas.

Tecido muscular estriado cardíaco

O tecido muscular estriado cardíaco, por sua vez, é apenas encontrado, como o nome já diz, no coração. Esse tecido também possui células cilíndricas e longas, mas que são ramificadas para que se unam as células por meio do disco intercalar, que é uma estrutura permeável ao impulso elétrico. A contração do músculo é uniforme e de suma importância para que o coração apresente um bom funcionamento, mas também é forte, rápida e, ao contrário do tecido muscular estriado esquelético, involuntária. Isso significa que para que o tecido se contraia, não é necessário haver desejo do indivíduo, acontecendo de forma contínua, sendo que uma contração desencadeia a outra.

Tecido muscular liso

O tecido muscular liso é encontrado no intestino, bexiga, útero e outros órgãos internos, tendo suas contrações lentas, fracas e involuntárias. É responsável pelos movimentos desses órgãos, como a pulsação de urina e as contrações do parto, por exemplo. Na parede dos vasos sanguíneos, onde também é encontrado, auxilia na regulagem da pressão sanguínea. As células presentes nesse tecido são espessas no centro e afiladas nas extremidades, sendo, portanto, fusiformes, além de serem mononucleadas, ou seja, apresentam apenas um núcleo central.

Referências

Biologia – Sônia Lopes e Sérgio Rosso

Por Natália Petrin
Teste seu conhecimento

01. [ENEM] Existem três tipos de tecidos musculares: o estriado esquelético, o estriado cardíaco e o não estriado. Eles diferenciam-se por sua morfologia e também localização no corpo. Sobre o tecido muscular estriado cardíaco, marque a alternativa incorreta.

a) O tecido muscular estriado cardíaco apresenta contração involuntária.

b) O tecido muscular estriado cardíaco apresenta estriações transversais.

c) O tecido muscular estriado cardíaco apresenta células multinucleadas.

d) No tecido muscular estriado cardíaco, é possível observar os chamados discos intercalares, que são complexos juncionais.

e) O tecido muscular estriado cardíaco é encontrado apenas no coração.

 

02. [UNIRIO] É constituído por células uninucleadas que possuem núcleos centrais. Em seu citoplasma encontramos miofibrilas, formando discos claros e escuros. Para formar o tecido, essas células se colocam em continuidade umas com as outras, sendo que a adesão entre elas, feita pelos discos intercalares, apresenta contrações rápidas e involuntárias.

Essa é a descrição do tecido:

a) epitelial

b) conjuntivo

c) muscular estriado cardíaco

d) muscular não estriado

e) muscular estriado esquelético

 

 

 

01. [C]

02. [C]

 

Compartilhe nas redes sociais

TOPO