Diafragma

O diafragma pode fazer referência tanto a um órgão, como para um método contraceptivo.

O diafragma apresenta dois conceitos fundamentais dentro dos estudos biológicos. Ele pode ser tanto um músculo estriado esquelético extenso, como também um método contraceptivo. Do ponto de vista muscular, o diafragma tem a função de separa a cavidade abdominal da torácica. Sendo responsável direto por parte importante da respiração humana, o diafragma é encontrado nos mamíferos e algumas aves.

Já o contraceptivo trata-se de uma borracha fina, com um anel flexível, que impede qualquer entrada de espermatozóides no útero. Para utilização, a mulher deverá colocar o diafragma no interior da vagina cerca de 20 minutos antes da relação. Após o término do ato, o contraceptivo deverá ser retirado 12 horas depois.

Tanto o músculo, como o método contraceptivo são definidos pela mesma denominação. Contudo, são homógrafas, apresentando a mesma palavra para um significado diferente. Vamos entender um pouco mais sobre cada um.

diafragma órgão
O diafragma enquanto órgão abaixo dos pulmões. (Imagem: Reprodução)

O que é o diafragma enquanto músculo?

Um órgão de extrema importância para o funcionamento do sistema respiratório dos seres humanos. O diafragma se localiza próximo às vértebras da região lombar, às costelas e ao esterno. Contêm três aberturas, estas que viabilizam a passagem da artéria aorta, do esôfago e de nervos. Além disso, vasos linfáticos e torácicos também são possibilitados de passagem através das cavidades existentes no órgão. Nos humanos, ele apresenta um aspecto pregueado. Sua posição é na vertical, com uma parte anterior em um grau mais elevado que a posterior.

Funções, características e curiosidade

Uma característica curiosa do órgão é que, quando está relaxado, ele apresenta um formato de abóbada (curvo). Ao inspirar, o músculo contrai-se, e ao expirar, ele aumenta a capacidade torácica.

Ao longo deste processo, o ar passa a entrar nos pulmões, com o intuito de compensação do vazio promovido. Não obstante, quando o diafragma relaxa, o ar que se acumula acaba por ser expulso.

Além dessas caracterizações no que envolve o sistema respiratório, o diafragma ainda auxilia no processo digestivo. Durante a contração, ele promove uma sutil pressão no abdômen, o que auxilia a digerir os alimentos. Por fim, o diafragma desempenha funções importantes no parto, na defecação, na tosse e também no espirro.

diafragma contraceptivo
O diafragma também pode ser um contraceptivo feminino. (Imagem: Reprodução)

O diafragma enquanto método contraceptivo

É fundamental salientar que ambos não têm qualquer relação senão à grafia homônima. Possuindo chance de apenas 10% de falha, o método é uma alternativa interessante aos hormônios que apresentam tantos efeitos colaterais. Além disso, uma grande vantagem é a redução direta do risco de contrair câncer no colo uterino.

O método é indicado para as mulheres que já tenham ou tiveram relações sexuais. Além do mais, não devem ter apresentado infecções na região uterina, vaginal ou urinária em outrora. Não é recomendado às mulheres virgens, que possuam alergia ao látex ou que apresentem qualquer tipo de problema no útero.

Para a utilização, é necessário atentar-se para os três seguintes passos:

  1. Urinar e em seguida higienizar as mãos;
  2. Utilizar o creme espermicida no diafragma, dobrá-lo e introduzi-lo em direção ao fundo;
  3. Ajustar para melhor conforto junto ao osso pubiano;

Dessa maneira, o diafragma pode tanto abranger a definição de um músculo, como a informação de um contraceptivo. De um jeito ou de outro, dentro dos campos dos estudos biológicos, ambos são fundamentais para viés de conhecimento.

Referências

JUNQUEIRA, C. Luiz e CARNEIRO, José. Biologia Celular e Molecular, Editora Guanabara/Koogan, 8ª edição. 2005, 332 p.

Por Mateus Bunde
Teste seu conhecimento

01. [UFRN] Durante a respiração, quando o diafragma se contrai e desce, o volume da caixa torácica aumenta, por conseguinte a pressão intrapulmonar:

a) diminui e facilita a entrada de ar.

b) aumenta e facilita a entrada de ar.

c) diminui e dificulta a entrada de ar.

d) aumenta e dificulta a entrada de ar.

e) aumenta e expulsa o ar dos pulmões.

 

02. [UFMG] A ocorrência de gravidez na adolescência tem aumentado consideravelmente. O conhecimento e uso adequado de métodos contraceptivos podem reverter esse problema.

Em relação a esses métodos, é correto afirmar que:

a) O diafragma impede a nidação da mórula.

b) O dispositivo intrauterino, o DIU, impede a chegada dos espermatozoides ao útero.

c) O método hormonal feminino, pílula, impede a ovulação.

d) O método de tabela é eficiente se forem evitadas relações sexuais entre o 2º e o 4º dia do ciclo.

e) O preservativo masculino, camisinha, tem ação espermicida.

01. [A]

02. [C]

Compartilhe nas redes sociais

TOPO