Ciclo Menstrual

O ciclo menstrual é o processo pelo qual as mulheres passam quando o corpo se prepara para a fecundação e recebimento do embrião.

O organismo feminino dos seres humanos, a cada, aproximadamente, 28 dias, passa por uma preparação para que haja uma fecundação. Nesse processo, são produzidos óvulos, e a parede do útero é preparada para receber um embrião. Quando há a fecundação, o embrião se implanta nessa parede, onde se desenvolve. Caso não haja fecundação, o endométrio será descamado pelo organismo, sendo eliminado, processo que é denominado menstruação, e tem duração média de 5 dias, variando de mulher para mulher.

Ciclo Menstrual

Chamamos de ciclo menstrual o período que há entre uma descamação e outra, processo controlado pelos hormônios FSH e LH, principalmente. Durante a primeira parte do ciclo, há a estimulação por parte do hormônio FSH de um folículo, que cresce, passando a produzir estrógenos, que inibirão o FSH e o LH. Estimulado por eles, durante o processo denominado ovulação, o folículo se rompe e faz a liberação do óvulo, que é o gameta feminino. Isso acontece durante os 15 dias que antecedem a próxima menstruação, e após a liberação, a fecundação pode acontecer entre 24 e 36 horas.

Em seguida, há uma queda na taxa de estrogênio, que faz com que o folículo, já rompido, se desenvolva com estímulos do hormônio LH, transformando-se em corpo lúteo, que passará a secretar estrógeno e progesterona. Nesse processo, o endométrio começa a ficar mais espessos para abrigar o embrião e suprir suas necessidades com vasos e secreções nutritivas.

Quando ocorre a fecundação, a placenta, onde o feto se desenvolverá, começa a produção de HCG, o hormônio que impede que o processo se repita e haja outra ovulação, evitando, portanto, a descamação do endométrio. Em caso contrário, as concentrações de progesterona sofrem um aumento, diminuindo a secreção de FSH e LH, de forma que o corpo lúteo sofre uma regressão, diminuindo a concentração do estrogênio e da progesterona. É a partir daí, então, que ocorre a menstruação.

Método da tabelinha

Imagem: Reprodução

Baseado nesse processo do corpo, foi desenvolvido o método da tabelinha para não engravidar. É claro que o processo não é garantido, já que o ciclo sofre variações de organismo para organismo, tendo suas diferenças para cada mulher. Ele serve, entretanto, para que possamos entender, em dias, como funciona o ciclo menstrual.

Normalmente, o período mais fértil da mulher se dá durante a metade do ciclo menstrual, que é quando acontece a ovulação. É preciso saber quantos dias dura o ciclo, caso seja regulado, anotando durante seis meses o dia do início de cada menstruação. Passado esse período, conta-se os dias entre uma menstruação e outra, sabendo a duração do ciclo.

A maioria dos ciclos duram entre 28 e 31 dias, dando uma média do 14° ao 16° dia como sendo os dias mais férteis do ciclo. Durante os dias que antecedem, quatro antes, e quatro depois, há chances de ocorrer a fecundação, porém são menores. É importante lembrar, entretanto, que o ciclo nem sempre é regulado, e por mais que seja, é preciso fazer uso de outros métodos contraceptivos, como a camisinha, que ainda ajuda a prevenir a contração de doenças sexualmente transmissíveis, e anticoncepcionais, indicados por médicos ginecologistas, afinal a tabelinha é um método bastante falho, e deve ser usado somente para a compreensão do ciclo e auxiliar àquelas mulheres que desejam engravidar.

Referências

O corpo Humano – Carlos Barros, Wilson Roberto Paulino

Por Natália Petrin
Teste seu conhecimento

01. [FMTM] Uma mulher, por volta do terceiro dia do ciclo menstrual, foi submetida a uma cirurgia para retirada dos ovários. Alguns dias após a cirurgia, espera-se encontrar no sangue dessa mulher

a) alta concentração de estrógeno e baixa concentração de progesterona.

b) alta concentração de FSH e baixa concentração de estrógeno.

c) alta concentração de LH e baixa concentração de FSH.

d) baixa concentração de FSH e alta concentração de estrógeno.

e) baixa concentração de progesterona e alta concentração de LH.

 

02. [Fafeod] Caso o corpo-lúteo se desintegre nas primeiras semanas de gestação, esta será interrompida em virtude da/do:

a) formação precoce da placenta.

b) deficiência do hormônio FSH.

c) aumento da taxa de gonadotrofina coriônica.

d) deficiência do hormônio progesterona.

e) aumento de LH liberado pela neuro-hipófise.

01. [B]

02. [D]

Compartilhe nas redes sociais

TOPO