Brônquios

Os bronquios apresentam como principal função carregar o ar diretamente para os pulmões.

Os brônquios são pequenas estruturas em forma de túbulos. Este pequeno suporte faz a “ponte”, ligando a traqueia aos pulmões. Tratam-se de dois pequenos tubos cartilaginosos, cuja função é levar o ar até os pulmões. Lá, eles serão ramificados em outros tubos, sempre diminutos, denominados bronquíolos.

Publicidade

Nas espécies mamíferas, os bronquíolos se apresentam como fundamentais. Uma vez que sua função está diretamente relacionada ao funcionamento correto do sistema respiratório. A traqueia – interliga brônquios aos pulmões – divide-se em dois diferentes, o do lado direito e do esquerdo.

Ambos demonstram estruturas similares à traqueia, recebendo a denominação de brônquios primários, ou de primeira ordem. Os brônquios primários costumam apresentar características que se assemelham muito às da tranqueia. No entanto, seu diâmetro é menor, se comparado à traqueia. Sendo estruturas independentes, estas estruturas têm como peculiar alguns atributos. Apresentam o próprio tronco nervoso e vascular, estruturas linfáticas e, de mesmo modo, ramificando-se a cada divisão até os pulmões.

bronquios
(Imagem: Reprodução)

Estruturação dos brônquios

Como ressaltado, ao subdividirem-se, as vias aéreas condutoras até o pulmão estreitam-se gradativamente. Assim, o epitélio respiratório irá se tornar mais curto; apresenta, ainda, células caliciformes (ou também chamadas de células secretoras de muco). Além disso, há diminuição significativa da presença de glândulas, tecido conjuntivo e cartilagem na região.

Com a gradativa subdivisão, apenas há aumento de dois tecidos musculares, o liso e o elástico. Os denominados de primeira ordem começarão sua subdivisão originando os brônquios intrapulmonares. Estes, por sua vez, podem ser considerados secundários ou até mesmo terciários (segunda e terceira ordem). Além destas denominações, os intrapulmonares ainda podem receber o nome de brônquio lobar. Esta nominação diz respeito ao fato de este brônquio se direcionar a um lobo pulmonar individual.

Após penetrar o pulmão por meio do hilo, os brônquios lobares seguem, ramificam-se e dividem-se em dois ramos. Por sua vez, ambos subdividem-se em outros dois. Esta divisão padronizada que se estende por subdivisões subsequentes recebe o nome de ramificação dicotômica. O padrão se estabelecerá constantemente ao longo do pulmão.

Os lobares acabam originando, assim, outras porções nas subdivisões. A estes, dá-se o nome de brônquios segmentares. Cada geração destas estruturas apresentará uma diminuição significativa nas vias aéreas que se sucedem.

Publicidade

Nesta nova geração de brônquios menores, haverá a presença da cartilagem hialina. Com esta, a diminuição dos túbulos será notada, tornando-se irregulares, seja na localização, como na organização e disposição. Dessa forma, ocorrerá uma perda cartilaginosa, que antes tinha formato anelar e passa a formar um C. O resultado será de vias áreas com isenção de uma região planificada. O que ocorre, assim, é um arredondamento destas vias de condução de ar.

Função principal

A função dos brônquios é bastante simples e de fácil compreensão. Isso porque, basicamente, eles realizam o transporte do ar até a região pulmonar. Através da broncoscopia, é possível que o médico verifique internamente estas estruturas.

Ao fim das terminações das estruturas tubulares, são observados os alvéolos. Estes se assemelham bastante a pequenos sacos de ar envoltos de capilares. Nestes capilares, por consequência, há as trocas de oxigênio e gás carbônico necessário entre alvéolos e pulmões.

Publicidade

Referências

JUNQUEIRA, C. Luiz e CARNEIRO, José. Biologia Celular e Molecular, Editora Guanabara/Koogan, 8ª edição. 2005, 332 p.

Mateus Bunde
Por Mateus Bunde

Graduado em Jornalismo pela Universidade Federal de Pelotas (UFPel), Especialista em Linguagens pelo Instituto Federal Sul-Rio-Grandense (IFSul) e Mestrando em Comunicação pela Universidade do Porto, de Portugal (UP/PT).

Como referenciar este conteúdo

Bunde, Mateus. Brônquios. Todo Estudo. Disponível em: https://www.todoestudo.com.br/biologia/bronquios. Acesso em: 12 de August de 2022.

Teste seu conhecimento

01. [PUC] As trocas gasosas no pulmão humano, em condições normais, ocorrem:

a) nos alvéolos.

b) nos bronquíolos.

c) nos brônquios.

d) na traqueia.

e) na laringe.

 

02. [UFRN] Durante a respiração, quando o diafragma se contrai e desce, o volume da caixa torácica aumenta, por conseguinte a pressão intrapulmonar:

a) diminui e facilita a entrada de ar.

b) aumenta e facilita a entrada de ar.

c) diminui e dificulta a entrada de ar.

d) aumenta e dificulta a entrada de ar.

e) aumenta e expulsa o ar dos pulmões.

01. [A]

02. [A]

Compartilhe

TOPO